Bon Vivant Cultura

Secretaria de Cultura e Economia Criativa divulga programação virtual para as férias

Atividades são livres e gratuitas, mas muitas precisam de inscrição

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa organizou uma diversificada programação para quem está à procura de diversão de qualidade e gratuita. São mais de 20 atrações virtuais, entre filmes, oficinas, exposições, bate-papos e concertos. A programação pode ser acompanhada pelas redes sociais da pasta e também pelos sites das instituições. As atividades são livres, mas muitas precisam de inscrição.

Além das programações dos equipamentos, a plataforma de streaming e vídeo por demanda #CulturaEmCasa (https://www.culturaemcasa.com.br), parceria da Secretaria com a Organização Social Amigos da Arte, segue com programação diária. A plataforma completa 9 meses no próximo dia 20 de janeiro com mais de 2,5 mil conteúdos exibidos.

MIS

09/01, às 18hs – #MISemCASA / Bate-papo de Cinema Pontos MIS – “Adoniran: meu nome é João Ribunato”

O programa, que traz uma sessão de cinema online seguida por bate-papo, apresenta nesta edição em parceria com a Pandora Filmes o longa Adoniran: meu nome é João Rubinato (Brasil, 2018, 92 min, 12 anos). O diretor do filme Pedro Serrano participa do bate-papo. Ingressos gratuitos – online

Sobre o filme: Adoniran Barbosa, autor de sucessos como Trem das Onze e Saudosa Maloca, carrega o título de maior sambista paulista de todos os tempos. A cidade de São Paulo era a personagem principal de suas canções e radionovelas. Através de imagens de arquivos raras e nunca vistas antes, o compositor e cantor paulistano que faleceu em 1982 é redescoberto pelo público. O documentário abriu o Festival É Tudo Verdade 2018 e ganhou os prêmios de Melhor Montagem e Melhor Trilha Sonora no 13º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro. O filme fica disponível dia 23/01 a 24/01 mediante inscrição a partir do dia 21/01. www.mis-sp.org.br

Pinacoteca de São Paulo

Tour Virtual – “Arte no Brasil: uma história na Pinacoteca de São Paulo”

A Pinacoteca de São Paulo tem um tour virtual da antiga exposição permanente do museu “Arte no Brasil: uma história na Pinacoteca de São Paulo”. A mostra ocupava todo o segundo andar do edifício da Pinacoteca Luz e era composta por mais de 500 obras, distribuídas pelo percurso de 11 salas. Estiveram expostas pinturas, esculturas, desenhos, gravuras e fotografias, de autoria de artistas fundamentais para a história da arte brasileira, como Debret, Taunay, Facchinetti, Almeida Junior, Eliseu Visconti, Pedro Alexandrino, Candido Portinari, Lasar Segall, entre outros. O principal objetivo da exposição é apresentar ao público a formação da visualidade artística e da constituição de um sistema de arte no Brasil do período colonial até meados dos anos 1930, centrada nas obras que compõem o acervo do museu. pinacoteca.org.br/visite/tour-virtual

Memorial da América Latina

Tour Virtual – Acervo Permanente

Vagar pelo amplo espaço do Memorial da América Latina é uma experiência inesquecível. Além de apreciar as linhas curvas dos monumentos de Oscar Niemeyer, o visitante se surpreende com obras de artistas consagrados, expostas ao longo da esplanada ou dentro dos espaços culturais. Todas escolhidas pelo próprio Niemeyer, que indicou em quais locais tais trabalhos deveriam ficar expostos. O arquiteto convidou artistas que conhecia e o acompanharam desde o projeto arquitetônico da Pampulha para doarem obras que dialogassem com o espaço. Aqui, você pode conhecer virtualmente algumas dessas obras, que compõem nosso patrimônio. memorial.org.br

Link: https://bit.ly/3ndxn0R

Uma Janela para a América Latina

Exposição virtual do pintor, ilustrador e designer gráfico Apitatán. memorial.org.br

Link: https://bit.ly/2JLSEkJ

Museu de Arte Sacra

O Museu de Arte Sacra de São Paulo fez uma parceria com o Google Arts & Culture para o lançamento da primeira e maior coleção dedicada à arte sacra e barroca no ambiente virtual do Brasil. Estão disponíveis na plataforma mais de 200 peças acompanhados de textos curatoriais e comentários da equipe educacional do museu. Além disso a exposição imersiva “Museu de Arte Sacra Visto de Perto” conta com cerca de 50 itens que se relacionam com a cidade de São Paulo e suas transformações urbanas. A exposição também aborda a formação do acervo do MAS, iniciado por Dom Duarte Leopoldo e Silva ainda no ano de 1907.

A importância do acervo é inestimável para a cultura nacional e a plataforma do MAS no Google Arts se afirma como uma fonte para pesquisas acadêmicas, materiais didáticos e educativos, além de proporcionar acesso sem o limite das fronteiras físicas, possibilitando uma visão diferenciada do acervo. Todo o conteúdo do Google Arts & Culture está disponibilizado em português e inglês. Além de possibilitar o contato com as obras que muitas vezes a própria experiência física não permite, como observar detalhes e minúcias de cada peça através do recurso de aproximação da imagem, é possível observar algumas delas em ângulos inusitados, como a parte de trás ou até mesmo a base das peças.

Link: https://bit.ly/2BPi5gO

museuartesacra.org.br

Museu Índia Vanuíre

– Oficina de Artesanato Indígena

Dirce Jorge, Kaingang da Terra Indígena Vanuíre, ensina artesanato indígena por meio de vídeo. museuindiavanuire.org.br

Museu do Café

– 08/01, às 15hs – Curso online de drinks com café solúvel

A engenheira de alimentos Eliana Relvas ministra uma nova aula com foco no preparo de drinks refrescantes para o verão. Além de explicar o passo a passo, a consultora aborda a história do café solúvel no Brasil, informações sobre armazenamento, detalhes ligados às categorias de qualidade e dicas de degustação. Para se inscrever, envie email para inscrição@museudocafe.org.br, com o nome do curso no assunto da mensagem.

– Entre 11 e 15/01, das 9h30 às 16hs – Semana de formação do barista

Quem deseja dar o primeiro passo em direção a uma carreira no barismo pode ter uma semana de aulas imersivas no Museu do Café. Em janeiro, a primeira turma dos módulos básico, latte art e avançado acontece entre os dias 11 e 15, abordando desde a história do grão até receitas e técnicas como harmonização. museudocafe.org.br

Museu Felícia Leirner

– 9/01, às 15hs – Folia de Reis Luz de Belém

O Baú de Folias, de São Bento do Sapucaí (SP), apresenta um cortejo por alguns lugares públicos como praças, parques e espaços culturais, demonstrando um pouco da Folia de Reis, suas funções e objetivos, como é essa manifestação e o que acontece em cada uma das visitas. A Folia de Reis Luz de Belém foi organizada pelo artista Fábio Miguel em 2015. Desde então, de 24 de dezembro a 6 de janeiro, a folia caminha pelas ruas da cidade entoando louvores ao Menino Deus, visitando casas e presépios, com música, danças e cantorias. A Folia de Reis ou Reisado é uma manifestação religiosa popular comemorada no dia dos Santos Reis, 6 de janeiro, e representa a passagem dos Reis Magos Baltazar, Belchior e Gaspar, em visita ao Menino Jesus. Onde assistir: Instagram; Facebook; Twitter

– 10/01, às 11hs – Ideia Passarinha – Poesia (In)Completa para Crianças

O espetáculo Ideia Passarinha traz uma cuidadosa seleção das canções mais conhecidas pelas crianças em nível nacional. O repertório é composto de músicas que ampliam as poéticas da infância ao tratar de assuntos pertinentes ao imaginário da criança pequenina. Os assuntos são variados, como medos, animais, crescimento, universo. Ao lado de grandes nomes da música paulista (os multi-instrumentistas Romulo Scarinni e Moringa), a cantora Fernanda Sander convida o público a brincar, a rir e a se emocionar ao apresentar instrumentos e a reinaugurar timbres e acessórios em cena. Onde assistir: InstagramFacebook; Twitter

– 16/01, às 15hs (ao vivo) – Boi Bumbá – Narração em Português e Libras

Nesta live, com muita dança, brincadeiras e música, o gRUPO êBA! compartilha a trajetória de Catirina e Francisco, história conhecida dos contos de tradição popular do Brasil. Esses famosos personagens levarão as crianças pelas riquezas da cultura maranhense e do nordeste brasileiro. A apresentação é narrada em formato bilíngue (em português e Libras), na qual tudo deve fazer sentido para aqueles que ouvem e que não ouvem. Para isso, usam e abusam de gestos, ritmos corporais, vibrações e recursos visuais para que todos possam participar. Onde assistir: Facebook

– 17/01, às 11hs – Duo Rios Araújo

Criado em 2017 pela violinista mineira Geiciane Rios e pelo violonista paulista Adailson Araújo, o Duo Rios Araújo apresenta um repertório original e transcrições de obras diversas para violino e violão. O repertório permeia a valorização e a pesquisa da música popular e brasileira, sem abandonar o tradicional consagrado para essa formação. Onde assistir: Instagram; Facebook; Twitter

– 23/01, às 15hs – Ciranda de Histórias

Nessa “ciranda”, o público é convidado a desfrutar do prazer da leitura, vivenciar as narrações da cultura oral, o encontro com grandes autores, as Rodas de Verso e as Cantigas e Brincadeiras da Cultura Tradicional da Infância. Despertando o gosto pela leitura, brincando com as histórias, cantando o nosso Brasil, o Grupo Ziriguidum, formado por Fabiana Fonseca, Marília Maia e Rodrigo de Carlis, inclui todos numa experiência que dá novo significado à misteriosa relação entre o humano e o universo imaginário. A pesquisa do universo da cultura tradicional da infância se faz constante na trajetória do Grupo Ziriguidum que apresentará a atividade “Bora Brincar?”. O brincar, a musicalidade da infância e as memórias brincantes são base para a construção desse espetáculo musical dedicado especialmente à valorização da cultura da infância. Onde assistir: InstagramFacebook; Twitter

– 24/01, às 11hs – Dançando sobre Rodas

A proposta da Cia Dançando sobre Rodas é trazer um espetáculo de interação entre o museu e a dança, proporcionando a mistura de corpos, paisagens, obras e público. Os bailarinos Julia Mariano, Fabiana Lofrano e Mateus Vasconcellos farão uma apresentação especial gravada nas alamedas do Museu Felícia Leirner. O grupo tem o objetivo de resgatar pessoas com deficiência, sendo a única companhia do Vale do Paraíba que trabalha com dança inclusiva. Onde assistir: Instagram ; Facebook; Twitter

– 30/01, às 15hs – Contos em Cantos e Encantos de Um Povo com Tia Nastácia e Tio Barnabé

Tia Nastácia e Tio Barnabé, da obra de Monteiro Lobato, expõem os costumes, as crenças e as verdades do povo afro-brasileiro por meio de uma apresentação musical. Os personagens do Sítio do Pica Pau Amarelo mostram canções dos mais derivados ritmos folclóricos brasileiros como samba, maracatu e jongo; e retratam a história, vivências e crendices populares com os personagens interpretando canções que trazem a história e a trajetória do povo negro. Onde assistir: Instagram; Facebook; Twitter

– 31/01, às 15hs – A Lenda do Guapuruvu

Num diálogo bem humorado entre o relato teatral e os sons instrumentais, o espetáculo comandado pela Cia Griot conta a história do grande guerreiro Guapuruvu e sua amada, a mãe do ouro, e como, deste amor surgiu a árvore de mesmo nome, abundante no Vale do Paraíba. A partir deste bate-papo desenvolve-se o tema da relação do homem com a natureza e a importância da preservação ambiental. O Grupo é formado por Silvia Nery, relato e voz; Denilson de Paula, percussão e sonorização; e André Pontes, técnico de som. Onde assistir: Instagram; Facebook; Twitter

Oficina Cultural Oswald de Andrade

– Danças Adroatlânticas

Os dançarinos e pesquisadores do coletivo Danças Afroatlânticas trazem à cena elementos ligados às origens africanas e indígenas das danças de salão e danças populares praticadas no continente americano, para responder as perguntas: “o que essas danças têm em comum?” e “o que delas se perdeu ao longo do processo de elitização e embranquecimento?”. Vibrante e questionador, o espetáculo será exibido via live do Youtube da Oficinas Culturais, e na sequência de cada exibição, acontecerá uma roda de conversa do público com os integrantes do coletivo, via plataforma Zoom. As exibições acontecerão nos dias 28 e 29 de janeiro e 4 e 5 de fevereiro, quintas e sextas-feiras, às 20h. oficinasculturais.org.br

– Dramaturgia sem palco

Laboratório de experimentos sonoros, plásticos e gráficos, que pretende aprofundar estudos de obras que habitam a fronteira entre literatura, performance, artes visuais e teatro, além de acompanhar o desenvolvimento de projetos autorais de dramaturgia em campo expandido. Para trazer outras perspectivas e fomentar o debate, os artistas-pesquisadores Babi Fontana, João Turchi e Lígia Oliveira, que trabalham com o texto e a palavra em territórios de fronteira, são convidados a intervir em alguns dos encontros, que acontecerão on-line às segundas-feiras, de 18 de janeiro a 1 de março, das 16h às 18h. As inscrições estão abertas até 14 de janeiro. oficinasculturais.org.br

– Mover o tocar – movimento e eutonia entre mulheres

A partir do diálogo entre Dança e Eutonia, a proposta das aulas on-line é trabalhar o corpo em movimento de modo sensível, para entrar em contato com a capacidade e a potência de se autocuidar em um momento tão delicado pelo qual passamos. Serão abordados e desenvolvidos temas como a consciência da pele, ossos e suas relações com o suporte do solo e com o espaço que nos cerca. As práticas têm como princípio a expansão da atenção e a presença no corpo, abertura de espaços internos, experiência do auto-toque e a escuta silenciosa ao desejo do corpo, suas necessidades e possibilidades de movimentos. A atividade será desenvolvida às segundas-feiras das 10h30 às 12h, de 18 de janeiro a 22 de fevereiro. As inscrições devem ser feitas até o dia 17 de janeiro. oficinasculturais.org.br

– Treinamento modo flow

O laboratório de movimento propõe a ação de estudar e desenvolver um pensamento do corpo, a conexão de corpo-mente-ambiente no trabalho do ator, a sofisticação da escuta, o mapeamento do movimento involuntário dos olhos, a coordenação motora, a dissociação cerebral, a rítmica corporal (investigação cognitiva e afetiva), a sequência coreográfica autoral, a improvisação de ações, o antídoto do movimento. Os encontros serão realizados às terças-feiras, de 19 de janeiro a 23 de fevereiro, das 18h30 às 20h30 pela plataforma Zoom. Para participar, é necessário realizar a inscrição até o dia 15 de janeiro. oficinasculturais.org.br

Oficina Arte Participativa e Performance Relacional

Os participantes terão contato com um panorama artístico nacional e internacional, no qual se propõem reflexões sobre as relações que podemos estabelecer entre Arte e Público. Durante esta vivência coletiva será montado o espetáculo-experiência “Afectos”, junto aos participantes da oficina que quiserem adentrar neste experimento relacional participativo. Esta montagem é um desdobramento da exposição virtual de fotoperformances “Afecto” do casal de artistas Marcelo Prudente e Pedro Orlando. Os encontros ocorrerão às quintas-feiras, de 21 de janeiro a 4 de março, das 19h às 21h pelo Google Meet. As inscrições devem ser feitas até o dia 17 de janeiro. oficinasculturais.org.br

Casa Guilherme de Almeida

– 8/01, às 16h30 – Um olhar sobre o Acervo: Nós (1917)

Palestra de Ana Lídia Teberga com foco no primeiro livro de Guilherme de Almeida, publicado em 1917, como ele foi recebido pela crítica especializada do período e como foi a repercussão do primeiro passo editorial do poeta junto ao público leitor. casaguilhermedealmeida.org.br

– 15/01, às 16h30 – Mulheres do Acervo: Noemia Mourão

Palestra de Ana Lídia Teberga com um mergulho no acervo, continuando o ciclo de destaque para as artistas mulheres presentes na Casa Guilherme de Almeida. Dessa vez destaca a vida e a obra da pintora, desenhista e cenógrafa Noemia Mourão e seu retrato de Baby de Almeida, esposa de Guilherme de Almeida. casaguilhermedealmeida.org.br

– Janeiro, das 19 às 21hs – Diretores de Vanguarda do Cinema

Curso de Franthiesco Ballerini sobre como o cinema se tornou a principal influência audiovisual a partir do século 20, abrindo caminhos para a televisão e as narrativas fragmentadas da internet. No cinema, foram os diretores que trouxeram avanços estéticos, técnicos e de linguagem fundamentais, e redefiniram os rumos do audiovisual no mundo. Este curso propõe um mergulho nos grandes diretores da história do cinema, de diferentes tempos e culturas, propondo um apuramento do olhar a todos os públicos, de modo a facilitar a compreensão e a apreciação do cinema arte e do cinema comercial de qualidade feitos nas mais diferentes escolas. São dois módulos, em que as inscrições devem ser feitas separadamente com aulas transmitidas online, através da plataforma Zoom. casaguilhermedealmeida.org.br

Módulo I: de segunda a quinta-feira, 18, 19, 20 e 21 de janeiro das 19h às 21h – clique aqui
Módulo II: de segunda a quinta-feira, 26, 27, 28 de janeiro e 1° de fevereiro das 19h às 21h clique aqui

– 22/01, às 16h30 – Diretores de Vanguarda do Cinema

Série de vídeos mensais, em que são apresentados objetos que não são encontrados com facilidade em nosso cotidiano e que compõem o acervo da Casa Guilherme de Almeida. Esses objetos apontam para diversas mudanças, tanto dos modos de morar quanto de costumes e práticas sociais ao longo das últimas décadas, que aguçam a curiosidade dos visitantes do museu. casaguilhermedealmeida.org.br

– 29/01, às 16h30 – Centro de Estudos de Tradução Literária da CGA – Entrevista com Simone Homem de Mello

O Núcleo de Ação Educativa da Casa Guilherme de Almeida conversa com Simone Homem de Mello sobre o Centro de Estudos de Tradução Literária, espaço criado a partir do relevante papel de tradutor de Guilherme de Almeida, e que oferece cursos e oficinas para profissionais e interessados em tradução literária. (transmitido pelo youtube do museu) casaguilhermedealmeida.org.br

Casa Mário de Andrade

– 07/01, às 16h30 – Inspiração de Mário sobre SP

No mês em que se comemora o aniversário de São Paulo, será feita a leitura e comentários sobre o poema escrito para o livro Pauliceia Desvairada (1922): “Inspiração” traz à tona os sentimentos de Mário de Andrade sobre São Paulo. O evento será transmitido em gravação prévia disponibilizada no instagram do museu @museucasamariodeandrade

– 04, 21 e 28/01, das 19h às 21hs – Games Inspirados em Obras Literárias

No curso, serão apresentadas as etapas fundamentais para o desenvolvimento de jogos digitais inspirados em obras literárias e um panorama recente, ao redor do mundo, de iniciativas que visam contribuir para a formação de leitores em plataformas digitais. A atividade será desenvolvida na plataforma Google Hangouts Meet. O link será enviado aos inscritos por e-mail. casamariodeandrade.org.br

– 14/01, às 16h30 – Crônicas de São Paulo

Para comemorar o aniversário de São Paulo, apresentaremos crônicas e contos do autor de Pauliceia Desvairada, que retratam a vida na cidade no início do século passado. Será transmitido pelo Facebook e Youtube do museu. casamariodeandrade.org.br

– 15/01 – Perspectivas da Gastronomia em São Paulo: Mário e a Cozinha Brasileira

No curso, serão apresentadas as receitas pesquisadas por Mário de Andrade e os motivos pelos quais o poeta se dedicou ao estudo da gastronomia brasileira, incluindo informações sobre os pratos e petiscos característicos da culinária paulista servidos, à época, na sua residência. O curso será transmitido em aulas pré-gravadas disponibilizadas na plataforma HotMart. Taxa de inscrição: R﹩ 70,00. casamariodeandrade.org.br

– 21/01, às 16h30 – Leitura do Poema “São Paulo pela Noite”

Para comemorar o aniversário da cidade de São Paulo, será feita a leitura seguida de comentários do poema “São Paulo pela noite”, publicado em Lira Paulistana (1945). O evento será transmitido em gravação prévia disponibilizada no @casamariodeandrade

– 23/01, das 16h30 às 18h – Água do meu Tietê, onde me querer levar?

Qual é o lugar da arte no reavivamento dos rios de São Paulo? Com enfoque em sustentabilidade e meio-ambiente, esta aula-show apresentará ao público composições de Victor Kinjo baseadas no mesmo rio que outrora inspirou Mário de Andrade a escrever seu último poema, A Meditação sobre o Tietê (1945). A atividade será desenvolvida na plataforma Google Hangouts Meet. O link será enviado aos inscritos por e-mail. @casamariodeandrade

– 28/01, às 16h30 – Mário de Andrade e o Departamento de Cultura

A partir do seu objetivo de “conquistar e divulgar a todo país, a cultura brasileira”, Mário de Andrade se une ao escritor Paulo Duarte e organiza o Departamento de Cultura e Recreação da Prefeitura Municipal de São Paulo. Em celebração ao aniversário da cidade, nesse vídeo serão abordados os feitos de Mário de Andrade para a metrópole paulistana. O evento será transmitido em gravação prévia disponibilizada no Facebook e Youtube do museu. casamariodeandrade.org.br

– 30/01, das 16h30 às 18hs – Clube de Leitura Casa de Mário de Andrade

Nos encontros do Clube de Leitura da Casa Mário de Andrade, os participantes terão oportunidade de conhecer o movimento de mulheres cordelistas e os esforços de escritoras de cordel que se organizaram para combater a desigualdade de gênero por meio de suas obras e ações. A cada encontro, uma autora convidada fará uma breve apresentação de sua trajetória, seguida da leitura de um de seus cordéis. A atividade será desenvolvida na plataforma Google Hangouts Meet. O link será enviado aos inscritos por e-mail. casamariodeandrade.org.br

Museu Casa de Portinari

– 09 e 23/01 – Acervo em Segundos

O Acervo em Segundos mostra detalhes curiosos do museu e seu acervo. museucasadeportinari.org.br

– 10/01 – Domingo com Arte Visual

O Domingo com Arte Virtual de Janeiro apresenta a artista Anna Ferreira, pedagoga e artista que atua como estátua, vitrine e escultura viva, e atualmente desenvolve o trabalho Corpo/ tela, em que mistura artes plásticas e estatuismo. museucasadeportinari.org.br

– 14/01 – Mude para Salvar o Mundo

Transformar nossos hábitos e o meio ambiente! O Museu Casa de Portinari desenvolve um trabalho de sustentabilidade ambiental e economicidade.museucasadeportinari.org.br

– 17/01 – Saberes e Fazeres da Cada de Portinari

A cozinha era o coração da casa da família Portinari, e a receita do prato preferido por todos está no Saberes e Fazeres. Vem aprender a fazer a tradicionalíssima polenta italiana! museucasadeportinari.org.br

– 21/01 – Projeto Ofereça uma Sombra, Plante uma Árvore

Contribuindo mais intensamente com o aumento das áreas verdes, que têm papel importante na diminuição do efeito estufa, na conservação das águas e na melhoria do equilíbrio ambiental, o Museu Casa de Portinari realiza o plantio de árvores em áreas adequadas para compensar a emissão de carbono resultante de suas atividades. Plante uma árvore também, compartilhe as fotos com a hashtag #OfereçaSombra e marque o Museu. museucasadeportinari.org.br

– 24/01 – Fazendo Arte!

As brincadeiras inspiraram Candido Portinari; nosso álbum virtual traz brincadeiras, arte e felicidade! “Sabem por que que eu pinto tanto menino em gangorra e balanço? Para botá-los no ar, feito anjos.” Candido Portinari. museucasadeportinari.org.br

– 31/01 – Para Portinari

“Para Portinari” é uma galeria que apresenta homenagens com afeto para Candido Portinari. São expressões artísticas como poesias, músicas, desenhos e pinturas. museucasadeportinari.org.br

Museu da Imigração

– 09, 24 e 30/01, às 15h: contações de história apresentarão narrativas lúdicas e divertidas, também no jardim, com transmissão ao vivo no Instagram para quem quiser conferir de casa. museudaimigracao.org.br

Bibliotecas de São Paulo e Parque Villa-Lobos

O site Literatura Brasileira no XXI destaca em janeiro, além de textos, dissertações, críticas, entrevistas e podcasts sobre literatura, material sobre oficina “O que tem de música na poesia?”, ministrada pelo professor Pedro Marques. O conteúdo tem como base as programações culturais da Biblioteca de São Paulo (BSP) e da Biblioteca Parque Villa-Lobos (BVL).

Link: https://www.lbxxi.org.br .

Sala São Paulo – Osesp

A Orquestra do Estado de São Paulo continuará a transmitir durante todo o mês de janeiro concertos ao vivo da Sala São Paulo. Para informações da programação: https://bit.ly/2JJmpT4