Bon Vivant Cultura

8ª EDIÇÃO DO PRÊMIO CINE B SOLAR DO CINEMA BRASILEIRO ACONTECE DIA 26 DE NOVEMBRO EM SÃO PAULO

EVENTO QUE PREMIARÁ FILMES BRASILEIROS, ENTRE ELES  “BACURAU”, “IRMÃ DULCE” , “BENZINHO”,”DEMOCRACIA EM VERTIGEM” E “SHAOLIN DO SERTÃO” EXIBIDOS NO PROJETO CINE B SOLAR, SERÁ APRESENTADO PELA ATRIZ GUTA STRESSER

8ª edição do Prêmio Cine B Solar do Cinema Brasileiro será realizada no próximo dia 26 de novembro, às 20h, na sede do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região, localizada na região central da capital paulista.

O evento, que será apresentado pela atriz Guta Stresser este ano, premiará filmes nacionais que passaram pelo circuito de exibição alternativo do Cine B Solar em 2017, 2018 e 2019, como BACURAU, de Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles;  IRMÃ DULCE, de Vicente Amorim,  CORAGEM – AS MUITAS VIDAS DO CARDEAL DOM PAULO EVARISTO ARNS, de Ricardo Carvalho, O OLHO E A FACA, de Paulo Sacramento, FIOS DE ALTA TENSÃO , de Sérgio Gag, QUE HORAS ELA VOLTA?, de Anna Muylaert, DEMOCRACIA EM VERTIGEM, de Petra Costa, POR AMOR AOS POBRES – A VOCAÇÃO DE SANTO ANÍBAL, de Osmar Koxne, entre outros (lista completa abaixo).

Entre os convidados confirmados que receberão o prêmio estão Regina Braga e Amaurih Oliveira,  atores do filme Irmã DulceBeto Brant, diretor do filme Pitanga, Thomás Aquino e Thardelly Lima,  atores do filme  Bacurau,  Adriana Alves, atriz do filme  Nega Que É Nega Não Nega Ser Nega NãoOsmar Koxne e Willian Mello, diretor e ator do filme Por amor aos pobres – A vocação de Santo Aníbal, Ricardo Carvalhodiretor do filme Coragem – as muitas vidas do Cardeal Dom Paulo Evaristo ArnsSérgio Gag e Well Darwin, diretor e produtor do filme Fios de Alta Tensão,  Paulo Pepe, diretor de fotografia do filme Bienvenidos a Buena Vista, Mauro D’Addio, diretor do filme Sobre Rodas,  Gabriel Bitar e Gustavo Steinberg, diretores do filme Tito e os PassarosWillem Dias, montador da série Causando na Rua, Rafaella Costa, produtora do filme Sequestro Relâmpago, Felipe Kurc e Rodolfo Amaral, diretores do filme Detox,  Leonardo Brant e Graziela Mantoanelli, diretor e roteirista do filme Comer o quê,  Ivan Vale  eDenis Feijãodiretor e produtor do filme Sabotage,  Hugo Prata e Fábio Zavelli, diretor e produtor do filme Elis,Eliane Caffé, diretora do filme Era o Hotel Cambridge Estevão Ciavatta, diretor do filme Made in China, entre outros.

O Prêmio Cine B Solar também contempla o “exibidor alternativo”, representantes das comunidades, entidades e universidades por onde passou, como uma forma de reconhecimento coletivo para a realização das sessões nesses locais.

Realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região e produzido pela Brazucah Produções, o Cine B Solar é um circuito alternativo de exibição gratuita de filmes brasileiros, em espaços comunitários e universitários de São Paulo e região, que democratiza e desperta o interesse pela cinematografia nacional.